quarta-feira, 15 de março de 2017

SOBRE AMOR&SEXO, PRECISAMOS FALAR

Programa discutiu diversidade de gêneros e formas de amor, 2 de Março
A cada nova quinta-feira, o “Amor & Sexo” vem alimentar nosso pensamento.

O programa nos conquistou por sua aliança particular de exibir informação e ousadia para desmistificar os tabus a respeito do cotidiano sexual. E em sua atual temporada, que diga-se de passagem, está histórica, Amor & Sexo, vem dando voz às minorias, derrubando preconceitos e falando em prol da igualdade. Quanta maturidade ele adquiriu.

Se você não parou e assistiu ainda, pare e assista... Além disso, acompanhe a repercussão na internet, como as pessoas estão reagindo, comentando e compartilhando a ideia. O programa empodera, expõe e alcança pessoas que talvez nunca entrariam em contato com os assuntos abordados.

sexo, muito além do papai&mamãe, aparece sem vergonha, sem mimimi e real. Mandar nudes, nutrir um relacionamento aberto, se engajar num menage à trois, envelhecer vivendo a melhor idade são alguns dos temas abordados, cheios de muito humor, cor e música. E o amor vai a tona a cada semana: o amor por todos, por um, por nós; o amor pelas pessoas. Sério, pessoas têm que amar pessoas.

"Desculpe o transtorno, homem em desconstrução." 26 de Janeiro, programa de estréia
Fernanda Lima além de vestir produções maravilhosas, conduz brilhantemente pautas que permeiam identidade de gênero, romantismo, juventude, machismo, saúde, estetização do corpo, feminismo, e zilhões de outras coisas que precisamos falar, tomando conta do palco, da alma dos convidados e da gente que tá aqui de fora assistindo.

Ter programas falando de gente de verdade, histórias reais (e atuais), com alegria única; é uma vitória. Hoje temos a liberdade de ser o que queremos ser, e é lindo ver isso aparecendo na TV aberta.

Assiste amanhã, e não é jabá!